segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Quais estados do Brasil possuem matrícula online para escolas públicas?

Todo inicio do ano causa muito tumulto nas escolas. Exitem muitas informações a sere requiridas, transferências a serem realizadas e matrículas a ser m feitas. Por isso, ir até uma instituição matricular seu filho pode ser muito desgastante. Pensando em facilitar este processo, foi possibilitada a opção de realizar a matrícula pela internet.


Você sabe quais estados do Brasil já possuem a matrícula online para escolas públicas? Descubra a seguir!

O que é a matrícula online?

A matrícula online é um recurso que promete facilitar o ingresso dos estudantes na escola pública. É possível realizar esta matrícula de casa mesmo, sem locomoção ou desgaste físico.

O começo do ano acaba sendo muito conturbado para todo mundo e com a matrícula online, você pode otimizar seu tempo e ficar por entro de tudo em relação a escola que escolher.

Quais estados dispõem do recurso?

Infelizmente, a inciativa ainda está sendo implantada e nem todos os estados dispõem deste recurso. Se você está interessado em matricular seus filhos através do sistema digital, veja a seguir se a sua localidade permite o processo:
  • Pernambuco;
  • Bahia;
  • Rio de Janeiro;
  • São Paulo;
  • Pará;
  • Rondônia;
  • Amapá;
  • Goiás;
  • Santa Catarina;
  • Tocantins;
  • Paraná;
  • Distrito Federal;
  • Mato Grosso do Sul;
  • Mato Grosso;
  • Alagoas.
Realizar a matrícula online é muito simples e você pode conferir toda a oferta de vagas para as instituições. Quem mora no Paraná, pode verificar o processo matrícula escolar PR 2019 e garantir a vaga do seu filho!

Alguns estados dispõem deste recurso para as escolas estaduais, mas podem oferecer também diversas oportunidades em outras instituições. Por exemplo, no Rio de Janeiro, você pode fazer a sua inscrição colégio militar RJ no conforto da sua casa.

Verifique as opções para o seu estado e utilize as facilidades disponíveis!

Como matricular meu filho?

Realizar esta matrícula é muito simples! Quando o período de inscrição começar, você deverá acessar o site da secretária do seu estado e procurar a instituição de sua escolha.

No site, você poderá visualizar a disponibilidade de vagas e então, realizar a matrícula online do sue filho seguindo as instruções da página. não esquecer de ter documentos em mãos na hora de preencher os dados!

Realizada a matrícula online, é só levar a documentação do seu filho na escola até o primeiro dia de aula. Pronto! Seu filho estará matriculado em uma instituição através de um recurso muito simples e você terá otimizado o seu tempo.

quarta-feira, 10 de outubro de 2018

Quais as principais diferenças entre faculdade privada e pública?

Quem está pensando em ingressar no nível superior vai acabar se deparando com a questão: Universidade pública ou universidade privada? Quando o assunto é a sua formação profissional, é essencial pensar bem e  analisar qual a melhor opção para você. Quem se encontra com essa dúvida agora, deve saber quais as principais diferenças entre a faculdade privada e pública. Confira a seguir:


Faculdade pública

Vestibular

A principal diferença em relação a estes dois tipos de instituição poderia ser a forma de ingresso. Para a universidade pública, o sistema que distribui as vagas é o SISU. Os estudantes deverão realizar as inscrições SISU no período devido. O sistema abre inscrição duas vezes por ano: no começo do primeiro e do segundo semestre.

O Sistema de Seleção Unificada utiliza a pontuação dos candidatos no ENEM para padronizar o ingresso nas universidades. Então, é importante ficar atento ao ponto de corte de cada curso e aguardar a divulgação do resultado do SISU.

Custo

O Custo também é um ponto importante da rede pública, pois ingressar em uma instituição desta categoria tem custo zero para qualquer curso.

Bolsas de auxílio

Além de não ter que pagar mensalidades, o estudante da universidade pública ainda pode receber algumas bolsas de auxílio, como bolsa de iniciação cientifica, monitoria e auxílio estudantil.

Carga horária

A carga horária para a universidade pública também será maior. Sem contar que você terá de pagar estágio obrigatório e participar de eventos universitários.

Faculdade privada

Vestibular

Para ingressar em uma instituição privada, o sistema utilizado é o Prouni, o Programa Universidade Para Todos. O Prouni também utiliza a nota do Exame Nacional do Ensino Médio para distribuir suas vagas, por isso, é preciso que os candidatos realizem o exame antes.

O sistema também distribui suas vagas através do ponto de corte de cada curso, por isso, quem quiser ingressar em uma universidade particular deve ficar atento à isto ou realizar o vestibular próprio de cada instituição.

Custo

O Prouni oferta bolsas de estudo parciais e integrais para os candidatos, mas quem não consegue ingressar através do sistema e realiza o vestibular próprio terá de arcar com as próprias mensalidades.

Por isso, uma grande diferença entre essas duas categorias de ensino a nível superior, seria o custo mensal pela formação durante os quatro anos de curso.

Infraestrutura

Devido ao incentivo financeiro e a necessidade de atrair mais estudante, a universidade particular irá dispor de uma infraestrutura melhor e mais desenvolvida para os seus estudantes.

Grade curricular

A grade curricular da rede privada também será diferente da pública, podendo ter cadeiras diferentes, assim como a própria carga horária. Na maioria das vezes, os cursos dispõem de uma grade curricular mais moderna.